ICOMOS_BR.png

NOTA DE REPÚDIO - ASSASSINATO DE KHALED AL-ASAAD


O Comitê Brasileiro do Conselho Internacional de Monumentos e Sítios (ICOMOS-BRASIL) condena veementemente o terrível assassinato de Khaled al-Asaad, 82, em Palmyra, na Síria, por militantes do Estado islâmico. Com isso, nos juntamos à comunidade internacional na forte condenação a este ato de violência sem sentido e à destruição sistemática de vidas, da cultura e do patrimônio da Síria.

Khaled al-Asaad era conhecido e respeitado por todos nós como o curador, ao longo de toda sua vida, de Palmira, um Patrimônio Mundial da Unesco, tão importante para a cultura e a história da humanidade como um todo. Neste sentido, a perda do Sr. al-Asaad é uma perda para todos nós.

Leonardo Castriota Presidente / ICOMOS-BRASIL


The Brazilian Committee of the International Council on Monuments and Sites (ICOMOS-BRAZIL) vehemently condemns the appalling murder of Khaled al-Asaad, 82, in Palmyra, Syria, by Islamic State militants. We join the international community in the strong condemnation of this senseless act of violence, the systemic destruction of lives, of culture and of heritage in Syria.

Khaled al-Asaad was known and respected by us all as the lifelong curator of Palmira, a Unesco World Heritage site, so important to the culture and history of humankind.

In this sense, the loss of Mr al-Asaad is a loss for us all.

Leonardo Castriota President / ICOMOS-BRAZIL