ICOMOS_BR.png

EM DEFESA DO PATRIMÔNIO CULTURAL DO BRASIL


Como vocês têm acompanhado, estamos vivendo um grave momento no que se refere à preservação do patrimônio em nosso país, com ataques frontais à autonomia dos órgãos responsáveis pela sua tutela e tentativas de desmantelamento das instituições da área em todos os níveis de governo.


Nos últimos meses temos nos pronunciado seguidamente em relação a diversos casos específicos, que, em seu conjunto, sinalizam a existência de uma verdadeira onda regressiva, que ameaça destruir o patrimônio nacional e todo o esforço de construção de um arcabouço jurídico-administrativo que vem sendo feito desde os anos 1930.


Os últimos acontecimento, no entanto, nos mostram que não bastam pronunciamento isolados e circunstanciais.


Assim, a Diretoria do ICOMOS-BRASIL está organizando, juntamente com outros setores da sociedade civil, um movimento em defesa tanto do IPHAN quanto dos avanços que a área do patrimônio tem alcançado no Brasil, especialmente depois da Constituição de 1988. Parece-nos inadmissível assistirmos calados ao enfraquecimento e à destruição dos órgãos de patrimônio e de nossas referências culturais mais caras.


A partir de agora estaremos permanentemente mobilizados e vamos construir uma agenda de ações para, juntos, defender o patrimônio cultural brasileiro. Para isso, conclamamos a todos a contribuir com sugestões para esta construção coletiva.


Saudações patrimoniais!


Arquiteto Leonardo Castriota

Presidente - ICOMOS-BRASIL